bsnnrt-flores.jpg

Sobre flores

Segundo algumas teorias evolutivas, as primeiras flores surgiram há milhões de anos, bem antes do aparecimento do homem na Terra. 

Insetos primitivos como os besouros, se alimentavam das plantas e comiam ou danificavam seus óvulos, deixando-os expostos, interferindo na perpetuação da espécie. Essa realidade gerou um forte processo evolutivo com o aparecimento de estruturas modificadas com a função de proteger os gametas femininos e ao mesmo tempo atrair pelo olfato ou visão os mais diferentes agentes polinizadores, que carregam consigo os gametas masculinos de outras plantas, proporcionando a fertilização e futuro desenvolvimento da semente. 

A flor em sua essência é proteção, atração e vida, vestida de singela beleza.

Sobre vasos

Beleza não apreciada desaparece? Uma flor não vista é bela?  Sutileza sem atenção é decifrada? 

A flor é singular em sua existência, podendo ser bela e até sutil. Algumas não são fáceis, mas atraem sem pedir permissão. Buscando elevar a singularidade e beleza de cada flor, permitindo a apreciação e valorização de suas características, brotou a série de vasos de Paulo Goldstein. Inspirado nas linhas da natureza, aonde a combinação de três elementos, base, estrutura e água, são desenhados não para competir, mas dar suporte ao personagem principal nessa composição, a flor. 

O vazio, a ausência de excessos oferecem equilíbrio, fundamental na construção do essencial.